Estrutura da cor

Para a compreensão da composição da luz, precisamos entender o espectro da luz branca formado por ondas eletromagnéticas. É nele que vemos a cor. Estas ondas, visíveis ao olho humano é que torna visível os objetos e os ambientes. Os seres humanos vêem do vermelho ao violeta, passando pelo verde, amarelo e azul.
Este fato físico, torna possível misturas singulares, que influenciam o entendimento dos objetos. São elas a mistura aditiva, subtrativa e a partitiva.
Na mistura aditiva, misturamos fontes luminosas e suas cores primárias são o vermelho, verde e azul (R, G, B):
A combinação das luzes verde e azul resulta em ciano.
A combinação das luzes vermelha e azul resulta em magenta.
A combinação das luzes vermelha e verde resulta em amarelo.
O resultado das cores primárias na mistura aditiva é o branco.
Percebemos isso no espectro da luz branca.
Na mistura subtrativa, utilizamos pigmentos, tintas, corantes naturais e outros, e suas cores primárias são o ciano, o magenta e o amarelo (CMY).A mistura de ciano e magenta resulta em azul, a única cor refletida, as outras são absorvidas (subtraídas) da luz pela superfície.A mistura de amarelo com ciano resulta em verde, única cor refletida, as outras são absorvidas (subtraídas) da luz pela superfície.A mistura entre o amarelo e o magenta resulta em vermelho, única cor refletida, as outras são absorvidas (subtraídas) da luz pela superfície.

O resultado da soma das três cores primárias na mistura subtrativa é o preto, pois todas as cores são absorvidas (subtraídas) da luz pela superfície.

© 2014 A cor simplificada - Todos os direitos reservados.